quinta-feira, 14 de abril de 2011

A Sua Resposta - Crenças Pré Cristãs na Europa

Quando nascemos no caminho da Bruxaria Tradicional, quando aceitamos caminhar por esta espiritualidade, recebemos os primeiros conselhos de um orientador, tal como um guia que mostrará algumas placas e cabe a cada um decidir por quais veredas quer conhecer.

Alguns ficam eternamente andando em círculos, falta visão do caminho, param e pensam que afinal o caminho é isso, um movimento eterno circular e uniforme, de tal modo que acreditam  conhecerem todo o caminho, quando na verdade conhecem apenas o trecho repetitivo de suas vidas.

A primeira regra básica nesse caminho é, arrume sua mochila, retire o seu ego pesado, deixe de pensar apenas em como você é isto ou aquilo, esqueça de títulos, de iniciações em outros locais, de paradigmas, de regras, de conhecimentos esotéricos, respire, olhe, e vá em frente, sem se preocupar com o passado, com seu nome e sobrenome, com a marca das suas roupas, foque no essencial.

Bruxaria Tradicional prega a simplicidade, a fluidez. Algumas vezes tenho escutado o termo "caminho sem nome", porém a interpretação é que o caminho é independente das necessidades superficiais, a busca é pela essência, pela vivência, tal como um olhar de uma criança conhecendo um mundo novo, claro, direto, límpido se assim você o for, se assim você compreender.

Somos nada mais que peregrinos, então não se preocupe tanto com suas medalhas e diplomas, no caminho uma gentileza vale muito mais que um currículo, uma companhia muito mais que uma roupa de grife, um sorriso e um olhar muito mais que mil palavras.

Ah sim, aprenda a escutar, quem fala muito não pode contemplar o silêncio, não faça perguntas tolas, antes de perguntar a alguém, pergunte a si mesmo e espere a resposta no tramitar pelo caminho, elas chegam, sempre chegam.

Cordialmente,

Um comentário:

  1. O bruxo tradicional preza pela simplicidade porque ele é um filho da terra e sua essência é parte e uno desta!

    ResponderExcluir